PATRÍCIA é jornalista e assina POETA. Eu sou ANGELA, Pedagoga e assino RAMALHO (o que não deixa de ter também a sua poesia). Fico pensando como seria divino assinar "Poeta" depois do nome. Até fiz uma poesia sobre isso! Esse blog é um espaço onde brinco com as palavras, fazendo aquilo que gosto. E o que eu gosto mesmo é de fazer poesias! Portanto, embora não seja PATRÍCIA, eu sou POETA!

domingo, 12 de maio de 2013

AMOR DE MÃE!




Tento traduzir em palavras o que significa amor de mãe e não encontro uma sequer que se assemelhe a esse sentimento que nos assola o peito, ao olharmos a nossa “cria” e chamarmos simplesmente de “filho”.
Esse ser que nasceu através de nós, que foi formado em nossas entranhas e que se traduz na maior e melhor obra  que já produzimos nesse mundo, bem que poderia (como toda obra de arte) levar nossa assinatura. Seria o mesmo que dizer, babando de orgulho: fui eu que fiz!
Mas nossa assinatura está no DNA, herança genética que determina o quanto somos artistas. No entanto, na maioria das vezes, é perfeitamente dispensável o exame, pois na face de nosso rebento está a  prova de que somos de fato, os autores de tão perfeita criatura. E que orgulho quando ouvimos alguém dizer: é a cara da mãe!
Filhos, saibam que nenhuma mãe possui um manual de instruções de como criá-los e entre a correria do trabalho, viagens e tantas outras responsabilidades que uma mulher tem que assumir nos dias de hoje, talvez muitas não tenham sido 100% mães ou 100% presentes em suas vidas, mas nunca duvidem do amor de uma mãe.
Esse amor que é tão especial, tão imaculado e tão santo, só posso comparar com o amor de Deus para com a humanidade, oferecendo-se em sacrifício por nós. Esse sim  é amor sem limites. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...